terça-feira, julho 26, 2005

Desenhos

Palavras para mim
São apenas desenhos cursivos.

Mas estes desenhos são
De beleza linda para ela.
Então estou sempre desenhando,
Procurando,
A curva imperfeita. Pois,
Perfeição, neles já há.

O que seria de mim
Se não fossem meus desenhos?

Teria de conquista-la com fonemas.
E assim, manteria este sonho
Frio como o gelo eterno.

Fonemas
Bloqueiam sua própria liberdade
Para que não cometam o engano
De se misturarem
De forma prejudicial ao seu genitor.

Os desenhos são
Minha extensão mais bela e trabalhada.

Não os temo.


Criado em: 06 de Junho de 2005
A "Escrição": Foi escrito no tempo do intervalo entre algumas aulas que não me recordo. Eu olhava todas passando e não enxergava nenhuma. Mas sabia que certamente ela está por ai também me procurando.

4 comentários:

kornflk disse...

Velho, tu escreve muito bem!
Parabéns!

Ellen disse...

oi Matti!
bah, eu não conheço nenhuma palavra q consiga descrever a comoção q as tuas poesias provocam em.. certas pessoas! ;)
um beijo, amiguinho! :)

Nayane disse...

Olá matt!! Seus poemas estao otimos... Muito bons mesmo!!
Parabens... Bom so passei pra deixar um oi e ler os seus poemas!
Beijoss... T+!

Fantuzzi disse...

Grannnde garotao!!! Jah te falei o qto esse poema eh foda!!! Mas resolvi comentar sobre ele por aqui, e novamente!! Excelentes são as suas palavras (desenhos)!
Abraços, irmaozao!!