domingo, abril 23, 2006

Brasil na UE

"Um desconhecido invadiu a sala de aula e proclamou a independência. Todos não entenderam.

_ Isso é uma piada, né?! – Ninguém entendeu. Foi a graça daquela manhã.

Aquele desconhecido que professava a independência, conosco há mais de um século independentes, marcou como ferro aquele dia.

Passado algum tempo, via-se pessoas andando sem esmero, com a pressa de uma criança. Noticiavam os informativos: o Brasil assim como a Guiana Francesa, agora participa da União Européia. A população, agora européia, andava irritada e pisando firme. Não tinham chão, seu mundo foi desfigurado.

Agora os brasileiros somos portugueses. E esses mudanças proporcionaram a ordem que eles iberos nunca deixaram repousar aqui durante a colônia. Aqueles políticos com que nós nos fadigávamos de reclamar fugiram ou adaptaram-se a essa mudança.

Via-se a vantagem dessa nova colonização que era o livre acesso à União Européia, a instituição de uma moeda forte, uma nacionalidade digna, o fortalecimento das instituições públicas, uma vida digna, um salário humano.

As mudanças vieram rapidamente e não fugiram das expectativas".



Simulação dos brasileiros regressando sob Portugal e atingindo níveis de dignidade que nunca conhecemos até a presente data. A drástica redução da corrupção e entrada do Brasil, como membro de Portugal, na UE. E usufruindo positivamente desta nova condição. Criado no dia 19/abril/2006 da era cristã.

Espero compor o próximo capitulo em breve.

3 comentários:

Projeto de Poeta disse...

SIMONE
SIMULATION ONE!!!
Hente corriente, isto é uma simulação, brincadeira!!!

Drawinator disse...

É....
um dia vc me explica isso...
espero.

Anônimo disse...

Muito bom o seu texto, gostei muito e espero que continue escrevendo....
Sorte pra você nos seus próximos textos.